UICC Femama

Tipos de câncer

Câncer de Pele

O câncer de pele é o mais comum de todos os tipos de câncer. Existem basicamente dois tipos de câncer de pele: o não-melanoma, que é o mais comum e raramente pode causar a morte do paciente, e o melanoma, que é o mais raro, mas é responsável por três em cada quatro mortes por câncer de pele. Os tumores de pele, usualmente, têm um longo tempo entre o seu aparecimento e a sua disseminação, propiciando a aplicação de um exame que o detecte ainda numa fase curável. Como os tumores de pele são facilmente localizados a olho nu (sem o uso de aparelhos especializados) o exame que pode diagnosticar o câncer de pele precocemente é o exame de inspeção (olhar a pele) durante um exame físico. Como o médico faz esse exame? Um médico ou outro profissional da saúde procura cuidadosamente por lesões suspeitas em toda a área de pele do corpo do paciente. Nesse exame o médico inclui procura detalhada de lesões em áreas mais comumente expostas ao sol, já que esse tipo de câncer está associado à exposição excessiva ao sol, mas também procura em regiões difíceis de serem vistas pelo paciente, como as costas, o couro cabeludo, entre os dedos e as plantas dos pés. Alguns trabalhos científicos têm demonstrado que criar programas de exames de rotina para procurar lesões suspeitas e treinar a população para procurar lesões suspeitas e procurar o médico para fazer um diagnóstico de certeza, diminui a mortalidade e as doenças associadas a esse tipo de câncer. Entretanto, mais investigação é necessária para afirmar qual é a melhor estratégia de detecção precoce e de quanto em quanto tempo esses exames devem ser feitos. Quais os fatores de risco mais comuns associados ao câncer de pele? Raça: Câncer de pele é mais comum em pessoas de pele clara, cabelo e olhos claros, que ficam facilmente vermelhas quando se expõem ao sol e que muitas vezes descascam facilmente a pele após se queimarem no sol. Idade: O melanoma aumenta rapidamente após os 20 anos entre pessoas brancas. História pessoal: Pessoas com certo tipo de sinais (nevos) ou que têm Síndrome do Nevo Displásico têm mais chance de desenvolver melanoma. História de doenças anteriores: Pessoas que já tiveram câncer de pele do tipo não-melanoma têm mais chance do que outras de desenvolver esse tipo de câncer. Exposição: Pessoas que se expõem por um longo período ao sol ou Raio X e luz ultravioleta têm mais chance de desenvolver esse tipo de câncer.

Voltar >>